ARQUIVENTO

BONS VENTOS A TODOS!!!

quinta-feira, 8 de abril de 2010




No colo do vento,
Sinto protegida
minha liberdade,
esse eterno rebento
poesia parida
na intensidade
de ser destemida...
onde desinvento.