ARQUIVENTO

BONS VENTOS A TODOS!!!

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011
"A cada dia basta o seu cuidado.”                                                       

Ligações obtusas
vontades óbvias.
Quereres interditos
olhos que gritam
Vagos espaços
apertos comprometidos
mãos que tocam
músicas subliminares
batuques suaves
com cheiro de lírios
(que falam)
tua felicidade
minha voz rouca
confissões suadas
quintais inventados
prá gente dançar
e cantar:
"eu sou assim
quem quiser
gostar de mim
eu sou assim".