ARQUIVENTO

BONS VENTOS A TODOS!!!

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010
Os portais se abrem
empurrados pela força do vento.
As janelas fechadas
para o céu...de tempestade.
A chuva penetra,
atravessa as paredes e  a verdade
como palavras atiradas
sobre o desejoso papel,
ultrapassam sentidos...
E no fim de tarde
as folhas  molhadas
desenham poesia...à granel
e em rítmos desinibidos
pintam paisagens caladas...
 após sopros atrevidos
(re)tocados com um pincel
silêncio pelas calçadas.