ARQUIVENTO

BONS VENTOS A TODOS!!!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010
Venta gratidão pelas minhas  janelas
as portas, lentamente,  batem entre elas
sopram no mar  e no altar as velas
borram-se suavemente as telas
uma aquarela sem querelas...
abstraindo traços de vielas
descubro em mim muitas elas
em minhas ocultas tabelas
exponho-me em baixelas
ao dizer:  Obrigado, por eu ser em parcelas!